full screen background image

Games Nacionais: Fluffy Horde (Turtle Juice)

Games Nacionais: Fluffy Horde (Turtle Juice)

É com muita alegria que escrevo sobre esse jogo que conheço a tão pouco tempo e já considero “pacas”. Nos últimos dias tive o prazer de jogar a demo de Fluffy Horde do studio Turtle Juice, e adorei

Um jogo que traz uma ótima combinação de estilos, desde side scroller, estratégia em tempo real e tower defense, além de criar uma mecânica muito gostosa. Afinal, somando uma história completamente fora da caixa, só poderia resultar em um game que diverte e muito os fãs dos gêneros de estratégia.

História

O reino está sendo invadido por uma horda de coelhos que se reproduzem freneticamente dominados por um Xamã incompreendido. Após ter tido um lar negado em todos os três reinos, o Xamã decidiu reunir suas hordas e jogá-las como pragas, destruindo os moinhos de vento dos humanos, quebrando os cristais dos pigmeus e corrompendo a árvore sagrada dos elfos. O jogador deverá usar seu exército (que conta com um garoto fantasiado de cenoura) para dizimar os coelhos de uma cidade de cada vez.

Sobre o Jogo

Ganhador do prêmio Excelência em Tecnologia e finalista em outras três categorias no Gamepolitan 2016 (melhor narrativa, melhor som, melhor arte) já teve seu trailer e data de lançamentos revelados. O título, em desenvolvimento pela equipe multicultural da Turtle Juice, foi um dos vencedores do edital de games de 2016 da Spcine. Foi anunciado que sua previsão de lançamento é para setembro deste ano para PC na Steam (Windows, Mac e Linux), sendo que versões para PS4, Nintendo Switch, Xbox One, iOS e Android também estão planejadas para datas futuras. O jogo também está concorrendo aos prêmios do BIG Festival e já foi aprovado no Steam Greenlight.

O gameplay é inspirado em jogos de estratégia em tempo real como Warcraft: Frozen Throne e Age of Empires e outros de tower defense como Kingdom Rush e Plants vs. Zombies, ou seja, colete recursos e treine seu exército. É uma mecânica consagrada, mas que aqui é apresentada de uma maneira bem própria. O controle individual de personagens, sua coordenação e posicionamento ao longo do mapa alongado na horizontal são essenciais para fazer com que esse jogo consiga trafegar tão bem em plataformas diversas.

Os puzzles se juntam a isso em algumas fases. Isso é algo que o game designer brasileiro Ernani Rocha já usou em projetos anteriores. A programação e ajustes para que tudo esteja em harmonia fica nas mãos de Bashar Saade. Ele é sírio e começou sua aventura nisso ao fazer um jogo inspirado em um título anterior da Turtle Juice: Turtles of Destiny.

Arte e Efeitos Sonoros

O pixel art colorido e encantador casa muito bem com a narrativa e o gameplay. Tales Demídio é o brasileiro responsável pelos visuais incríveis e as animações detalhistas de Fluffy Horde, sempre em sincronia com as músicas e efeitos sonoros originais criadas por Glauber Barreto e a dublagem hilária do ator londrino Will Bond. Para assegurar que as versões do jogo saiam com a menor quantidade de bugs e sem problemas de localização, Bhernardo Viana cuida do controle de qualidade.

A versão que tive acesso ainda estava com a arte inacabada. Todavia já foi possível ver a qualidade do que está por vir.

Convido todos a visitarem o site oficial e acompanharem de perto esse promissor projeto. Não só o destaco por ser brasileiro, mas também por ser um bom jogo com personalidade própria.

Site – http://www.fluffyhorde.com/

Steam Greenlight – https://steamcommunity.com/sharedfiles/filedetails/?id=910830068

Facebook – https://www.facebook.com/playturtlejuice/

Twitter – www.twitter.com/playturtlejuice

Discord

Abraço e até a próxima.


Tags:

Allan Douglas

Allan Douglas (Redator) – Formado em Análise e Desenvolvimento de Sistemas (Estácio de Sá). Atualmente trabalha como Analista Líder na Teccenter no Recife – PE. Também desenvolve soluções WEB, Mobile e Games. É fanboy da SEGA e adora jogos de estratégia digitais ou analógicos.


Show Buttons
Hide Buttons