Análise: Clash of Clans

Clash of Clans - AberturaClash of Clans é um jogo de estratégia com elementos sociais e micro-transações muito fortes. Produzido pela Supercell, foi lançado em 2012 para as plataformas iOS e Android.

O jogo tem como objetivo você administrar sua vila, fazendo parte de um clã, e torná-lo cada vez melhor com troféus. O sucesso é tão expressivo que a empresa desenvolvedora tem como carro-chefe esse game, além de estar entre as mais lucrativas da App Store.

Prepare suas tropas, pois a batalha está para começar!

 

Preparando-se para a batalha

Clash of Clans - Shop MenuPara fazer com que sua vila seja muito boa para ataques e defesas, primeiramente você precisa de elementos que ofereçam os recursos básicos do jogo para poder construir: ouro e elixir. Pedras também são um recurso, mas obtido em elementos que surjam em volta de áreas inabitadas da vila ou por micro-transações. As minas de ouro e os coletores de elixir ajudam na fabricação desse dinheiro do jogo. Quanto mais desenvolvidos, mais produção eles oferecem.

Tendo os recursos necessários, você pode fazer um investimento em exércitos. Nessa categoria, há uma diversidade interessante com acampamentos para ter mais tropas, laboratório para melhorar o exército, fábrica de feitiços, quartel para treinar tropas como bárbaros, magos, balões, goblins, arqueiros, dragões e outros.  Esses personagens são interessantes, pois possuem habilidades diferentes como curar, ataque mais potente, focam mais em canhões e morteiros e outras habilidades.

Outro investimento são as defesas. Muros, canhões, morteiros, torres de arqueiros, magos e armadilhas das mais diversas são alguns dos elementos oferecidos no game. Um que destaco é a construção do castelo do clã, pois, além de permitir que o jogador se insira em um dos clãs do jogo, pode usá-lo para armazenar tropas dos seus colegas do mesmo grupo. Em momento de ataque, eles podem te ajudar na proteção da sua vila.

Clash of Clans - VilaPor último, para o jogador que se preocupa com a estética, pode também fazer algumas decorações. Tochas, bandeiras com nacionalidades são alguns dos recursos oferecidos. Aliás, a montagem do clã por si só é um processo bem interessante, dando uma identidade ao jogador perante os outros.

Esses recursos mostram uma diversidade interessante na montagem da estratégia, mas também não são excessivos demais, confundindo o jogador. Parece que citei muitos, mas na prática do game você vê que são poucos, comparados a outros games. Os desenvolvedores conseguiram atingir um número interessante nesse sentido. Fora também que a possibilidade de atribuir níveis de evolução para eles ajuda nessa economia, além de incentivar o jogador a ficar cada vez mais forte.

Outro fator interessante é que o equilíbrio entre defesa e ataque fica a critério do jogador. Em alguns momentos, ele está focado na evolução das defesas da vila e quer deixar o ataque para depois. Outros são mais agressivos e ganham troféus atacando outras vilas.

Um recurso que agrega bastante na evolução natural do jogador também são as missões. Naturalmente, a cada estrela que ganha, você já está fazendo melhorias significativas na sua vila e conhecendo esses recursos oferecidos pelo game. Serve como tutorial também.

 

Estamos sendo atacados ou atacamos?

Ataques e Missões - Clash of ClansO jogador pode realizar as duas ações. Para entendimento da defesa, você pode ativar escudo comprando ou após ter levado um ataque, de acordo com a gravidade sofrida. A duração dele é limitada e, quando termina o efeito, você se torna vulnerável a ataques de outros jogadores.

Caso opte por atacar, você pode realizar as missões do jogo ao atacar os Goblins ou jogadores de outros clãs. Nesse último caso, você paga para essa ação e tem um tempo limitado para agir. Seus troféus e saques de recursos minerais são equivalentes ao dano causado no inimigo.

Esse ponto é fundamental, visto que se fosse um jogo, digamos assim de montar casinha, em poucos dias ia se tornar entediante jogar o game e necessitaria de mais elementos nos exércitos, defesas e decoração. Fora elementos de nível, ranking, badges e sociais como o clã que lembram bastante a gameficação aplicada a outros softwares que não são games.

 

Faça seu clã ser um dos melhores

Ranking - Clash of ClansAo construir o Castelo do Clã, você pode procurar um amigo para fazer parte de um clã – alguns possuem requisitos de troféus para entrar – ou criar o seu próprio, mas com um custo para isso.

Como elemento social, os clãs foram importantes, pois queremos ajudá-lo a ser o melhor, visto que todos ganham ali dentro. Também a interação social, reconhecimento ao eleger um jogador como ancião do clã, doar e receber tropas e ranking interno são fatores importantes para incentivar o jogador a continuar interagindo com o game.

Você também pode visitar os amigos que possuem o jogo. Eu já utilizei isso para ver andamento, mas para descobrir um clã que ele criou e fazer parte. No início, agir com conhecidos fica mais fácil, depois convidando outros a participar do clã.

Um fator que é bacana também é a hierarquia pensada em torno dos troféus. Cada jogador recebe um brasão para indicar isso, nessa ordem: bronze, prata, ouro, cristal, master e campeão. Dentro de cada um, ainda tem os níveis de I a III. Essa preocupação com status que o jogo oferece ajuda muito no sucesso para tornar jogadores bem competitivos.

Hierarquia - Clash of Clans

Supercell - Clash of Clans

 

Um pouco sobre o desenvolvimento do game

O jogo foi desenvolvido por cinco pessoas inicialmente, depois passando para oito.  Claro que a equipe agora já aumentou devido ao sucesso, mas é importante observar esse tamanho de equipe.

Praticamente os elementos básicos do game já estavam prontos em dois meses. As referências principais foram os games Travian, Backyard Monsters, Advance Wars e Gauntlet.

A arte é o 3D pré-renderizado feito no 3ds Max, Photoshop e Flash. O código foi construído em Objective-C e C++ (cliente), além do Java (servidor).

Todos esses dados foram tirados de uma entrevista pelo site Pocket Gamer que você pode ler na íntegra.

 

Pontos Fortes:

  • Atende a diversos perfis de jogadores com lado social, exploração, realização de missões e ataques/ranking;
  • Fácil de interagir e jogar, com tutorial, mas de interação bem escalável e natural;
  • Elementos sociais bem associados para que você precise deles para participar mais ativamente no jogo;
  • Diversidade de recursos na medida certa;
  • Transações de compra bem pensadas no game, agregando aos mecanismos e não obrigando a compra quem quiser jogar gratuitamente. Só se quiser evoluir muito rapidamente sua vila;
  • Formas de reconhecimento da habilidade do jogador bem pensadas com níveis, rankings e outros recursos.

 

Oportunidades de Melhoria:

  • Apesar de intencional para vender mais micro-transações, algumas atividades demoram tempo demais. Mas é o preço para quem joga gratuitamente;
  • Ele poderia ter algumas missões especiais fora da internet.

 

Clash of Clans - AtaqueClash of Clans consegue trabalhar bem atividades para os mais diversos perfis de jogadores. Tem elementos sociais para aqueles que gostam mais dessa interação; possui rankings para os mais agressivos, competitivos; permite exploração aos adeptos dessa prática e, aos mais realizadores, missões do jogo. As transações de compra também foram feitas bem integradas aos mecanismos do game, mas também permitindo que o jogador jogue gratuitamente sem problemas. É um jogo que recomendo a jogadores que tem pouco tempo, pois você faz uma ação e deixa rolar por lá.  Boas batalhas e esteja entre os melhores clãs!

Fabiano Naspolini de Oliveira

Fabiano Naspolini de Oliveira

Fabiano Naspolini de Oliveira (Editor-Chefe) – Formado em Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Pós-Graduado em Docência para Educação Profissional, MBA em Game Design e Mestrado em Tecnologias da Informação e Comunicação. Foi redator do portal Nintendo Blast, professor de cursos técnicos e Game Designer/Sócio-Fundador do estúdio Céu Games por 6 anos. Atualmente, é professor de jogos digitais e escritor.

Send this to a friend